contador de acesso

Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

micaias

Honra aos Soldados Portugueses

Avatar do autor Jota.Coelho, 23.01.22

Louvados e reconhecidos pelo mundo…

Desprezados e ostracizados no seu país, Portugal.

Assim tem sido o fadário dos militares portugueses, ao longo dos últimos 50 anos. Tal como este general Americano, muitos outros testemunharam de perto as qualidades dos soldados portugueses.

BRUTAL, MAS FACTUAL, UM HINO DE LOUVOR AOS SOLDADOS RASOS PORTUGUESES. O General dos EUA, William C. Westmoreland, que em discurso ao Congresso disse:  

"Querem vencer o Vietname, senhores? Dêem-me 8.000 soldados desta gente, e ainda este ano o comunismo cai nas terras da Indochina.”

“Eu vi corpos de tropas mais numerosos, batalhas mais disputadas, mas nunca vi, em nenhuma parte, homens mais valentes, nem soldados mais brilhantes que os do exército português, em cujas fileiras vi desprezar o perigo e combater dignamente pela causa sagrada dum Império condenado.

Quantas vezes fui tentado a patentear ao mundo os feitos assombrosos que vi realizar por essa viril e destemida gente portuguesa, que sustenta, há mais de dez anos em três frentes de guerra, contra uma poderosa força oculta, a mais encarniçada e gloriosa luta.

Aqueles homens que desconheciam os efeitos de uma bomba H ou o simples apoio dos helicópteros, provêm de terras desde as montanhas às planícies, cada um com seu conto pessoal e motivação para ali, a 10.000 km de casa, irem defender os ideais de uma nação há muito esquecida numa Europa dividida.

Tentado fiquei, pois, a dizer que nessa mesma Europa existiam três verdadeiros poderes, cada qual com a sua sombra no Mundo: - A Europa Americana, a Europa Russa, e Portugal.

E é essa raia de gente a quem se pede tanto por tão pouco que, com meios tão escassos e de modos bem simples, carregando na alma a sombra do Império Português, não precisavam do sabor da Coca-Cola, da experiência da droga ou de cultura hippie para combater.

Simplesmente faziam-no, e não abandonavam as armas por uma causa errada, mas defendiam-na não só pela gente lá de casa, mas pela casa lá da gente.

De Portugal, o canteiro mais velho da Europa, vi frutos verdes ou maduros a lutarem lado a lado com igual coragem, como se o combate fosse o ganha-pão dessa gente.

Querem vencer o Vietname, senhores? Dêem-me 8.000 desta gente, e ainda este ano o comunismo cai nas terras da Indochina.” Publicação na revista TIME.

General William C. Westmoreland, em relatório ao Congresso dos EUA após a visita ao Quartel-General Português de Nampula, em Moçambique, 1971.

........gen34.jpg

.........General amérca.jpg

........genbm6w2j32dfc51.jpg

 

.......gen.William_Westmoreland.jpg

 

1.guerras83_n.jpg

12112302_507804469397039_6275222459297572207_n.jpg

A-Matas do norte, ft Jacinto Bolinhas.jpg

1.guerras.7681_n.jpg

2.9xanas.jpg

1.guerras7365_n.jpg

Mucojo - preparar almoços....jpg

Angola,as chuvas....jpg

Image21.jpg

A-Cemiterio Mabubas, Angola.jpg

destaque.jpg

Angola-embrulho da pátria.jpg